A ECF 2017 é uma forma para a receita federal receber informações das apurações do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), além de informações econômicas gerais.

De modo geral a ECF é uma obrigatoriedade Fiscal que altera as rotinas contábeis, substituindo o livro de apuração do lucro real, LALUR, a DIPJ e o FCONT.

ecf

Quem precisa entregar a ECF?

Estão obrigadas a entregar a ECF 2017 todas as pessoas jurídicas tributadas pelo lucro real, lucro presumido, lucro arbitrado e todas as imunes e isentas, ou seja, deverá ser obrigatoriamente preenchida por empresas de todos os portes e segmentos.

Quais foram as mudanças?

Fica obrigatório o preenchimento do Demonstrativo de Livro Caixa (Registro P020) para as pessoas jurídicas optantes pelo lucro presumido que se utilizem da prerrogativa prevista no parágrafo único do art. 45 da Lei nº 8.981, de 20 de janeiro 1995, e cuja receita bruta no ano seja superior a R$ 1.200.000,00 (um milhão e duzentos mil reais), ou proporcionalmente ao período a que se refere. A partir do ano-calendário 2015, todas as imunes ou isentas estão obrigadas a entregar a ECF.

Fonte: Receita Federal

Prazo de entrega e Multa

A ECF 2017 deve ser transmitida anualmente pela internet ao SPED (Sistema Público de Escrituração Digital) até o último dia útil do mês de julho do ano seguinte ao ano a que se refira. Assim, em relação ao ano de 2016, o prazo para entrega do ECF será até dia 31 Julho de 2017.

A não apresentação da ECF nos prazos fixados, ou a sua apresentação com incorreções ou omissões acarretará multas ao infrator.

 

Este trabalho normalmente sobrecarrega o trabalho dos envolvidos, mas com um bom planejamento, organização e o apoio e orientação dos nossos consultores, especialistas neste assunto, o tempo investido trará resultados compensadores.

Entre em contato e solicite-nos uma visita sem compromisso!